Loading...
ArtigosDorama

Priceless: Aru Wake Nedaro, Nanmon!

A presença de Kimura Takuya num dorama é normalmente sinal de que esta é uma série que vale a pena ver. Com grandes êxitos na sua carreira como Beautiful Life, Pride, Long Vacation ou Hero, Priceless é mais um dorama que felizmente se pode juntar à lista de êxitos do galã japonês.

Fumio Kindaichi (Kimura Takuya) trabalhou na mesma empresa (Miracle Thermos) toda a sua vida. Embora não tenha um cargo de alta responsabilidade dentro desta, é adorado por todos os seus colegas de trabalho devido à sua personalidade bastante carismática. Não sendo propriamente cuidadoso com o dinheiro que ganha, Kindaichi gasta a maior parte do seu dinheiro a comprar memorabília de basebol e em pequenos prazeres da vida quotidiana.

Inesperadamente, a sua vida muda quando é acusado injustamente de ter roubado propriedade intelectual da empresa, o que resulta no seu despedimento. Sem dinheiro, Kindaichi é obrigado a viver no parque e a habituar-se à vida de pobre. No entanto, a sua sorte começa a mudar quando conhece Kanta e Ryota, dois miúdos locais que o ajudam e que são parte fulcral para Kindaichi começar a ver um novo rumo na sua vida.

Embora se baseie numa premissa básica e que é revelada logo no primeiro episódio da série, Priceless desenvolve muito bem a história de Kindaichi e de outros injustiçados da empresa ao longo dos dez episódios da série. O que difere esta série de muitas outras é a escolha por uma história de superação pessoal e não uma de vingança. Kindaichi, embora fique magoado, nunca parte numa vingança pessoal contra a empresa que o desgraçou.

Opta então por começar a desenvolver as suas próprias ideias e a tentar por si próprio recuperar alguma da mística que um dia viu na sua empresa anterior. Para tal, é ajudado Aya Nikaido (Karina) e Kengo Moai (Kiichi Nakai), antigos colegas da sua empresa, que por o tentarem ajudar a recuperar a sua imagem acabaram também por perder o lugar.

É a partir do momento em que este trio começa a trabalhar junto que a série atinge o seu auge. A química entre os três actores é excelente e a forma como vão desenvolvendo o seu negócio mantém o espectador entusiasmado. É de notar que a maior parte da série (esta seguinte frase vai conter alguns spoilers, fica o aviso) anda à volta da criação de um novo thermos que revolucione o mercado. Quando uma série consegue tornar a criação de um thermos um tema interessante, alguma coisa há de ter feito bem.

Além da química do trio principal e do grupo peculiar de personagens com que habitam em conjunto na casa para gente pobre onde encontram abrigo, outro dos pontos fortes da série é a visão que nos dá do actual mundo do trabalho. Numa altura em que a mecanização e a redução de custos é maior que nunca, Priceless foca a sua maior mensagem no valor do trabalhador individual. Grande parte da série realça os esforços feitos por vários gerentes de fábricas para não deixarem o seu negócio entrar em bancarrota. O sentimento de comunidade cultivado por Kindaichi ao longo da série faz com que até os personagens mais secundários tenham algum relevo.

Desconhecendo a série até a ter visto ser recomendada no reddit, tenho a dizer que foi uma bela surpresa. Não caindo nos clichés da história de vingança que mete pelo meio uma história de amor forçada, Priceless ganha por se focar nas verdadeiras razões da felicidade dos seus personagens.

A felicidade que sentem através do desenvolvimento de novas ideias de negócio e o grande sentimento de comunidade que a série consegue criar tornam Priceless num dorama, que na minha opinião, vale a pena ver. Não é apenas uma série divertida e cómica, é inspiradora.

Escrito por: Nuno Rocha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Connect with Facebook

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.