Loading...
ArtigosManga

Candy Life

Deixou a carreira de jornalista para se tornar mangaka e não demorou muito a atingir o seu sucesso com um mangá que mais tarde deu origem a um dorama, Kimi Wa Pet. E foi por causa deste dorama (nome dado às “novelas” japonesas) que decidi procurar outros títulos da autora Yayoi Ogawa.

Um dos seus primeiros mangá teve o título de Candy Life (キャンディ♥ライフ) e começou por ser lançado na revista KISS. Este título tem apenas um volume e apesar de não ter um argumento original é uma história bem contada. O estilo narrativo de Yayoi Ogawa tem qualquer coisa que nos atrai graças aos seus personagens carinhosos, cheios de muito humor e com uma narração eficaz.

Este mangá traz-nos à cena Makoto, uma mulher que no momento está em maré de azar, não só por ter perdido o emprego mas também porque o seu namorado a deixou cheio de dívidas. Deprimida e bêbada, ela encontra um belo e jovem empresário que, após resgatá-la do afogamento, a ajudará e a proporá ao casamento. Todos estes acontecimentos para Makoto são demasiado bons para serem verdade, isto porque ela sempre teve dificuldade em acreditar no amor à primeira vista.

As coisas ficam complicadas quando ela percebe que o seu príncipe encantado parece esconder alguns segredos. E mais complicado fica quando Makoto conhece um jovem misterioso que é filho do seu príncipe. Dois personagens muito diferentes que farão o coração de Makoto balançar.


O trio apaixonado é cativante e apesar de serem completamente opostos, Takahito, o pai, e Aïto, o filho, vai-nos ser muito difícil decidir entre eles. Os personagens secundários trazem mais profundidade à histórias sem tirá-las de um certo sentimento de déjà vu.

O desenho de Ogawa não é particularmente elaborado ou detalhado, especialmente porque este mangá ainda é dos primeiros trabalhos publicados pela autora. No entanto a arte de Ogawa tem um traço simples, bonito e com um bom domínio do desenho. Ao longo do mangá vamos apercebendo que o desenho é irregular, mas estes não prejudicam a leitura.

Candy Life mantém o charme comovente e bem-humorado que Ogawa sabe dar às suas histórias e também aos seus personagens. Por isso, é muito fácil apegar-nos à história, e muito mais fácil perdoar o lado já visto do que a história leva, mudando a escolha de Makoto entre os dois homens da sua vida.


No final, Candy Life é um conto de fadas moderno, como já lemos e vimos tantas vezes. A chegada de uma mulher à vida de uma família rica e poderosa. Por isso se gostam do estilo de história e se gostaram de Kimi Wa Pet este pode ser um bom título para descobrirem ainda para mais tem apenas um volume.

Escrito por: Fernando Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Connect with Facebook

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.