Loading...
ArtigosManga

Katsura/Akira

Falar sobre Katura/Akira pode tornar-se difícil, pois ambos os autores são duas figuras bem conhecidas do publico consumidor da banda desenhada japonesa. Com argumento de Akira Toriyama e arte de Masakazu Katsura, este mangá “one-shot” foi publicado no Japão entre 2008 e 2010 e teve também edição no Brasil pela editora Panini no Brasil.

Akira Toriyama dispensa apresentação, não é? Bem para o caso de não o conhecerem ele é autor de Dragon Ball, Dr. Slump entre outras histórias. Já Masakazu Katsura foi no ínicio de carreira assiste do Toriyama, mas também é dono de histórias bem icónicas como Video Girl Ai, DNA², Zetman entre outras.

Antes de ler esse título, eu sabia que os autores têm um humor um pouco mais picante, sem noção e apelativo, pelo menos é o que eu sempre ouço falar ou leio na internet… além disso, este mangá tem a censura de 12 anos por isso era tranquilo. Eu diria que não sou o tipo de pessoa que tem problemas com apelações sexuais, porém a situação que acontece logo na primeira história achei de muito mau gosto… Era escusado? Era… Só os “close-ups” de calcinhas seriam o suficiente.

Aparte deste pequeno detalhe, o mangá não perdeu a graça. O que apenas quis dizer foi que aquela situação foi desnecessária, mesmo fazendo um sentido na história… Acho que não estão a perceber nada, não é? Mas os que já leram endentem… Mas eu explico, a protagonista da primeira história tem uma marca de nascença quase no “bumbum” e essa marca acaba sendo motivo de chacota na escola, porque a marca lembra outra coisa…

A primeira história intitulada Sachie-chan Guu!! (さちえちゃんグー!!) e que na edição brasileira ganhou o nome de Sachie-chan Good!! é a mais cómica e nonsense do mangá. Ela conta a vinda de um grupo de alienígenas que vêm a Terra em busca de ajuda para salvar seu planeta. Eles recrutaram duas pessoas, a primeira é o Zarido, um campeão da categoria junior do Campeonato do Mundo das artes marciais e a outra é Sachie, uma jovem aparentemente normal que é filha do Mestre Momochi, o grande mestre de Zarido.

Os alienígenas são do planeta Octo, um povo pacífico que não é capaz de se defender dos bandidos que os estão a atacar. A Patrulha Galáctica não apareceu para ajudá-los, por isso foram sozinhos em busca de ajuda… Será que essa ajuda vai ser capaz de ajudá-los?! A Patrulha Galáctica vai aparecer?! O que será que vai acontecer?!

A segunda história Jiya (ジヤ) á a principal deste mangá, e por esse motivo teve direito a três capítulos. Para mim é a história mais divertida, mais engraçada e mais cheia de acção. O mangá vale só por ela…

Jiya é um Patrulheiro Galáctico que tem vontade de visitar o nosso planeta azul depois de um relatório de outro patrulheiro de nome Stis. Aparentemente esse relatório dizia que a Terra não teria valor e não merecia ser preservada. Jiya percebeu que algo estava errado com o relatório e decidiu visitar a Terra para tirar as dúvidas. Á sua chegada constata que a Terra não passa por um problema ambietal… Qual será o problema da Terra?!
O Patrulheiro Galático terá a ajuda de dois humanos bem peculiares. E por falar em peculiar existe um um vilão nesta história, um vampiro que gosta de sangue de jovens mulheres… Que bela combinação… Qual será o resultado desta história que me diverti bastante a ler?!

Para finalizar, digo-vos que a edição brasileira trás alguns extras como por exemplo uma galeria de esboços do Katsura, uma entrevista com os autores e ainda um esquema de personagens.

São estas duas as histórias do mangá Katsura/Akira. O meu veredito final é que gostei de ler, mas não vou dizer que foi o melhor mangá que li na minha vida. Foi sim, uma leitura leve e divertida. Acredito que os autores divertiram-se a criar estas histórias. E acredito que é o tipo de mangá que agrada à grande maioria dos consumidores deste tipo de títulos, no entanto tenho as minhas dúvidas se este título é uma boa opção para conhece os autores…
Quem já leu? E o que acharam?

Escrito por: Marina Abreu Gonzalez

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Connect with Facebook