Loading...
MúsicaNotícias

Um novo recorde no top Oricon

Nos últimos tempos a cantora Takeuchi Mariya (竹内まりや) tem vindo a ser descoberta principalmente entre os fãs estrangeiros que reavivaram o estilo dos anos 80, o CityPop. Este “boom” começou quando o hit de 1985 “PLASTIC LOVE” começou a ganhar força no YouTube, tornando-se efectivamente um hit viral.

A artista Mariya foi uma das convidadas no concerto anual de final de ano, Kohaku Uta Gassen, onde interpretou o tema “Inochi no Uta 「いのちの歌」”. O curioso desta sua participação é que foi a primeira vez que a cantora participa neste espectáculo.

Mas a grande notícia é que esta semana Mariya atingiu um novo marco na sua carreira estabelecendo um novo recorde no Japão. Aos quase 65 anos de idade, Mariya é a cantora mais velha a chegar ao primeiro lugar no top Oricon. Uma edição especial do seu single “Inochi no Uta” foi lançado no primeiro dia de 2020. A artista quebrou assim o anterior recorde de Keisuke Kuwata, o famoso vocalista do SOUTHERN ALL STARS. Este record tinha sido alcançado no ano passado quando o cantor tinha 62 anos.

Fica a música para ouvirem:

2 comments
  1. Mac Maclau

    Conheço á algum tempo conheci através da minha filha que interpreta esta cantora lindamente
    E só posso dizer excelente cantora que eu adoro
    Pena que não venha a Portugal

    1. t3tsuo

      Pois estas é daquelas cantoras japonesas que é impossível vermos em Portugal, mesmo no Japão tenho ideia que ela não é muito de aparecer. Já teve a época áurea dela nos anos 80 embora actualmente com este “revival” do CityPop ela voltou para a ribalta e ainda bem ^_^

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Connect with Facebook

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.