Posts tagged "Jiro Taniguchi"

Morreu Jiro Taniguchi

Esta é uma daquelas notícias que eu jamais pensaria dar ou quereria dar… Hoje é um dia triste para o país do Sol nascente… Se existem Imperadores, Jiro Taniguchi é um deles e por ironia ou não do destino morreu aos 69 anos no dia em que se celebra a Fundação do Japão. Nascido a...
Kamigami no Itadaki

Kamigami no Itadaki

Em 1924, George Mallory e Andrew Irvine partiram numa expedição para conquistar o cume do Monte Evereste, numa altura em que ainda ninguém tinha alcançado o cume da montanha. Tendo desaparecido quando já se encontravam perto do seu objetivo (o corpo de Irvine nunca foi encontrado, enquanto o de Mallory foi descoberto apenas em 1999),...

Taniguchi novamente na colecção do Público

O jornal Público em parceria com a editora Levoir lançaram recentemente a segunda vaga da colecção Novelas Gráficas. Na primeira colecção lançaram o manga O Diário de meu pai da autoria de Jiro Taniguchi, um dos autores japoneses da actualidade mais consagrados fora do Japão. Saiu hoje para as bancas (22.06.2016) o segundo volume desta...

Jiro Taniguchi na Colecção Novela Gráfica do jornal Público

Inserido na colecção Novela Gráfica que sai com o Jornal Publico, hoje quinta-feira (30 de Abril) sai o único livro dedicado a um autor japonês. Jiro Taniguchi, o mais ocidental dos autores japoneses, com O Diário do meu Pai, foi o livro escolhido para ser o representante asiático desta colecção. O manga traz-nos uma história...
Kodoku no gurume

Kodoku no gurume

A banda desenhada japonesa e a gastronomia são dois dos maiores ex-libris do Japão. Juntando um dos mais importantes mangaka da actualidade, Jiro Taniguchi temos Kodoku no gurume (孤独のグルメ, O gourmet solitário, na língua de Camões), um manga onde nos é apresentado o senhor Inogashira Goro caixeiro-viajante de profissão e a sua constante busca de...
Jiro Taniguchi – L'Homme qui dessine

Jiro Taniguchi – L’Homme qui dessine

Benoît Peeters, argumentista da série de banda desenhada franco-belga “Cidades Obscuras”, mas também filósofo, cineasta, romancista e ensaísta, teve a sorte de passar uma semana no país do Sol Nascente com Jiro Taniguchi, um famoso autor de banda desenhada japonesa que admira. O resultado foi este magnifico livro sobre a vida e obra deste autor...
Enemigo

Enemigo

O estado de Nascencio situado algures na América Latina viveu até à pouco tempo um clima de guerra e ditadura. Agora chegou a altura de reconstruir o país e por esse motivo Yuji, um jovem japonês decide ir de malas e bagagens até aquele país para participar no seu crescimento e desenvolvimento… no entanto a...
Furari

Furari

Jiro Taniguchi é sem dúvida um dos meus mangaka preferidos, os seus manga são de uma sobriedade, de uma beleza e de contemplação ímpar, e que dificilmente podemos comparar com autor japonês. Lançado inicialmente na revista mensal japonesa Morning, Furari é agora compilado num volume (com edições em japonês, francês e espanhol até ao momento)...
K

K

Em poucos anos Jiro Taniguchi alcançou o estatuto de um dos grandes mangaka de maior exito na Europa, especialmente em França e Espanha onde as suas obras estão praticamente todas traduzidas. Em Portugal, apenas conhecemos “O Homem que caminha” lançado pelo jornal Correiro da Manhã inserido na colecção Série Ouro, Os Clássicos da Banda Desenhada....
Inu wo Kau

Inu wo Kau

Pertencente à fase de trabalho a solo de Taniguchi – como quase todos os volumes desta colecção em particular – é natural que testemunhemos a lenta metamorfose de um autor que começara de forma mais convencional (Le Sommet des Dieux, Le Chien Blanco) para atingir o patamar de uma mangá mais pessoal. Se bem que...
Harukana Machi-E

Harukana Machi-E

Toda a gente ou quase toda a gente desejou voltar à infância. Este desejo também é sentido pelo protagonista desta história, um homem maduro que de volta a casa depois de uma viagem de negócios, dá consigo involuntariamente na sua cidade natal. Ao deambular-se pela cidade encontra a campa da sua mãe, e vê-se projectado...