Loading...
ArtigosCultura

Sailor Fuku

O uniforme escolar foi introduzido no Japão em 1921 por Elizabeth Lee, directora do colégio de Fukuoka Jo Gakuen. Foi baseado no uniforme da Real Marinha Britânica, quando ela teve uma experiência como estudante de intercâmbio com o Reino Unido. Este uniforme fazia parte de um programa de modernização. Hoje em dia, estes uniformes são mundialmente conhecidos, e já se usam quer em escolas públicas como privadas.


O uniforme é constituído por uma parte blusa típica de marinheiro de diferentes formas e cores rematada por um laço enorme na parte da frente. Existem algumas escolas que usam nós mais finos sobre o pescoço. Depois uma saia plissada quase sempre de cor azul, no entanto podem existir outras cores: verde, vermelho ou preto conforme as escolas. As meias que se usam são normalmente brancas ou azuis marinho. Para finalizar o conjunto, o calçado que as raparigas usam são os clássicos “mocassains” castanhos ou pretos.

O sailor fuku têm uma nostalgia característica para as ex-estudantes e está intimamente ligado com a “juventude despreocupada”. As imitações do Sailor Fuku são bastante populares e muitas vezes servem de disfarce em épocas festivas como por exemplo o Halloween, cosplay ou bailes de máscaras e é muito vendido em armazéns por todo o Japão.


Devido aos uniformes escolares serem um artigo associados ao fetichismo por parte dos otaku e não só, é comum encontrar-se alguns estabelecimentos ilegais onde se vendiam uniformes em segunda mão (ver burusera).

Geralmente o uniforme é visto por algumas jovens um símbolo de conformidade, por isso estudantes rebeldes decidiram modificá-lo como forma de mostrar o seu individualismo. Tais mudanças incluem o aumento ou diminuição da camisa, cortar as mangas, retirar os símbolos escolares, etc. Também deixou de ser apenas a cor azul a reinar nos uniformes, e novas cores foram aparecendo.

O sailor fuku, junto com outros uniformes escolares representaram e representam um grande e inegável papel na cultura otaku e um grande estimulante sexual como podemos encontrar numa enorme quantidade de anime, manga e dojinshi (o equivalente aos nossos “fanzines”).


O exemplo mais conhecido é o da popular série Bishoujo Senshi Sailor Moon, na qual todas as personagens principais vestem sailor fuku bastante elaborados quando se transformam em super heroínas. Mas outras personagens de séries de anime usam o sailor fuku tradicional como são os casos de Kagome Higurashi em Inu Yasha ou a protagonista de Tokyo Mew Mew, Ichigo Momomiya; ou ainda em jogos de computador como o Street Fighter com uma das suas lutadoras Sakura Kasugano, também a usar o uniforme escolar.

Autor: Fernando Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Connect with Facebook