Loading...
ArtigosGastronomia

Tororo Soba

Em meados do século XVII, tornou-se uma presença fixa na comida popular do país do Sol Nascente. Parte do amor por esse alimento reside nas qualidades nutricionais. Este prato é rico em vitaminas B1 e B2, conhecidas pela sua eficácia no combate à fadiga causada pelo grande calor do verão japonês.

Este prato tem como elemento principal uma espécie de inhame das montanhas japonesas ralada (Nagaimo ou Dioscorea japonica) a que se dá o nome de “tororo”, e que também é a onomatopeia do som da grade.

O Nagaimo é uma raiz longa, com uma pele castanha clara e polpa muito branca, crocante e quase sem gosto. Ao contrário de outras batatas, o Nagaimo pode ser consumido cru e é amplamente utilizado na culinária japonesa, também devido às suas características de mucilagem (regulador do trânsito intestinal), para dar uma consistência suave a algumas preparações.

O segundo ingrediente central deste prato é o soba, que é um tipo fino de pasta de trigo sarraceno, semelhante em aparência ao macarrão ou esparguete muito longo. Parece que suas origens são chinesas e datam de um passado distante. No Japão, o consumo é abundante no período Nara (710-784), mas a forma e o tipo de soba que é consumido hoje surgiram entre os séculos XVI e XVII. Segundo a documentação do período Edo (1603-1868), o soba era habitualmente produzido em templos e consumido principalmente durante a cerimónia do chá.

Em virtude de sua forma longa e esbelta, diz-se que o soba simboliza a longevidade e é também por isso que é frequentemente consumido em ocasiões especiais, como nas celebrações do Ano Novo.

Mas passemos à receita simples e rápida de fazer o Tororo Soba (とろろそば):

INGREDIENTES

– 150-200g Soba seco
– 5 folhas de Shiso ou 2 cebolinhos
– 300g Nagaimo
– 2 gemas de ovo
– Mentsuyu (condimento feito de dashi, molho de soja, mirin e açúcar)
– Wasabi (q.b.)

MODO DE CONFECCIONAR
– Cozinhar a Soba conforme as indicações da embalagem.
– Enquanto o soba está a cozinhar, cortar as folhas de Shiso em pedaços pequenos.
– Ralar o Nagaimo.
– Separar as gemas das claras.
– Colocar a soba cozinhada numa taça fundo.
– Adicionar o Nagaimo ralado, a gema de ovo crua e o Shiso.
– Juntar o Mentsuyu (diluído na mesma proporção de água).
– Adicionar a quantidade de wasabi que gostarem.

Para quem mora fora dos grandes centros urbanos como Lisboa e Porto é sempre mais difícil encontrar alguns dos ingredientes específicos, mas podem sempre procurar em algumas lojas online de venda de produtos japoneses.

Escrito por: Fernando Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Connect with Facebook

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.